Ir para o conteudo 1 Ir para o menu principal2 Pular lista Órgãos de Governo3

Usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no Portal Dataprev. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse nosso Aviso de PrivacidadeAo continuar navegando, você confirma que leu, compreendeu e consente com a utilização de cookies.

Atualizado em: 
sex, 15/09/2023 - 19:07

Decisão foi divulgada hoje (16), com a indicação de Rodrigo Assumpção. Gustavo Canuto ficará, a pedido do órgão, até março

O Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos (MGI) anunciou, nesta segunda-feira (16), o futuro presidente da Dataprev – órgão vinculado à Pasta. O mestre em Ciências da Computação, Rodrigo Assumpção, é também bacharel em História e já foi presidente da Dataprev entre dezembro de 2008 e março de 2017.

Atualmente, Rodrigo Assumpção atua como especialista em Sistemas de Gestão e Informação junto ao departamento de Proteção Social da Organização Internacional do Trabalho (OIT). Além da OIT, Assumpção foi consultor especializado em gestão de TIC e modernização digital junto a outros organismos internacionais, incluindo o Banco Mundial e a Associação Internacional de Seguridade Social (AISS).

De acordo com o Ministério, Rodrigo Assumpção liderou uma profunda transformação na Dataprev durante sua gestão, tendo como resultados a ampliação de rentabilidade e eficiência digital da empresa. A renovação e certificação operacional TIER III dos três data centers e a migração de vários sistemas de missão crítica para plataforma baixa foram exemplos destacados pela Pasta. O selo TIER III é um reconhecimento internacional de qualidade em infraestrutura, e a Dataprev foi a primeira empresa pública a obter a certificação – mantida até hoje a partir da atuação dos especialistas da casa.

Ainda na esfera federal, Rodrigo Assumpção exerceu o cargo de secretário-adjunto de Logística e Tecnologia da Informação, no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, designado em 2003. Já em São Paulo, atuou como educador no Instituto Cajamar; coordenou a área de Governo Eletrônico da Prefeitura de Santo André (SP); e foi diretor do Instituto Florestan Fernandes e da ONG Sampa.Org – onde trabalhou com projetos de inclusão digital.

Transição

A ministra da Gestão e Inovação em Serviços Públicos, Esther Dweck, pediu ao atual presidente da Dataprev, Gustavo Canuto, que continue à frente da empresa enquanto Assumpção operacionaliza sua liberação funcional junto à OIT nos próximos meses. Na conversa, a ministra agradeceu a Canuto por seu trabalho e compromisso com o serviço público demonstrado por aceitar a tarefa até março. Gustavo Canuto é servidor federal da carreira de especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG) – ligada ao MGI.

A Dataprev, empresa pública de tecnologia vinculada ao Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos, tem a missão de prover soluções digitais para o exercício da cidadania, o que inclui o processamento mensal de 37 milhões de benefícios previdenciários. Além disso, também passam pelos sistemas da empresa os dados do Benefício de Prestação Continuada (BPC), Abono Salarial e Seguro-Desemprego, dentre outros.

** Com informações do Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos.